Soja: Mercado em Chicago permanece operando com leves perdas nesta 5ª feira


As leves baixas no mercado da soja na Bolsa de Chicago continuam nesta manhã de quinta-feira (6) e as cotações já registram perdas pela terceira sessão consecutiva. Perto de 7h55 (horário de Brasília), os contratos mais negociados recuavam entre 1 e 2,50 pontos, com o setembro sendo cotado a US$ 8,73 e o novembro, US$ 8,76 por bushel. 

Faltam motivos para o mercado engatar em novos ganhos consistentes, uma vez que a nova safra norte-americana deverá chegar maior do que o inicialmente esperado com uma demanda que ainda com tanta força. Principalmente para a soja 2020/21, as compras da China ainda estão bastante concentradas no Brasil. 

"A ARC novamente ressalta que a boa qualidade da safra nos Estados Unidos e a falta de demanda pelo grão norte-americano continuarão definindo um mercado baixista para as cotações internacionais da soja e milho - mínimas contratuais para ambas commodities deverão ser registradas apenas em setembro/outubro", explicam os diretores da ARC Mercosul.


Da mesma forma, no Brasil, os preços continuam sendo sustentados pela relação apertada de oferta e demanda, com os prêmios, principalmente, testando os melhores níveis da temporada. 

Veja como fechou o mercado nesta quarta-feira:

>> Soja registra prêmio de US$ 2,30 e testa os R$ 126,50/sc no porto de Rio Grande nesta 4ª 

0 visualização

Associação Comercial dos Produtores e Usuários da CEASA Grande Rio e São Gonçalo

Irajá: Av. Brasil, 19.001 - Pav. 43 - Cab. Sul - (21) 3371-0122 / 3371-0156
Colubandê: Rodovia Amaral Peixoto Km 9,5 - Pav. E - (21) 2601-5994