Milho abre a quinta-feira subindo na B3


A quinta-feira (08) começa com os preços futuros do milho mais altos na Bolsa Brasileira (B3). As principais cotações registravam movimentações positivas entre 0,66% e 0,94% por volta das 09h14 (horário de Brasília).

O vencimento novembro/20 era cotado à R$ 69,90 com elevação de 0,79%, o janeiro/21 valia R$ 70,01 com ganho de 0,66%, o março/21 era negociado por R$ 69,80 com valorização de 0,94% e o maio/21 tinha valor de R$ 65,60 com estabilidade.

Mercado Externo

Os preços internacionais do milho futuro começam a quinta-feira estendendo os ganhos na Bolsa de Chicago (CBOT). As principais cotações registravam movimentações positivas entre 3,25 e 4,00 pontos por volta das 09h05 (horário de Brasília).




O vencimento dezembro/20 era cotado à US$ 3,92 com valorização de 4,00 pontos, o março/21 valia US$ 4,01 com elevação de 3,75 pontos, o maio/21 era negociado por US$ 4,05 com ganho de 3,75 pontos e o julho/21 tinha valor de US$ 4,08 com alta de 3,25 pontos.

Segundo o site internacional Successful Farming, os futuros do milho sobem nesta quinta-feira impulsionados pela demanda por produtos norte-americanos e no aguardo do relatório de hoje do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) que irá trazer novos números de vendas semanais para exportação.

Desde 1º de setembro, os compradores estrangeiros se comprometeram a comprar 24,6 milhões de toneladas de milho dos EUA, um aumento de 154% em relação ao mesmo ponto do ano passado.

Relembre como fechou o mercado na última quarta-feira:

>> Milho sobe no Brasil nesta 4ªfeira influenciado por dólar, Chicago e preço nos portos

0 visualização

Associação Comercial dos Produtores e Usuários da CEASA Grande Rio e São Gonçalo

Irajá: Av. Brasil, 19.001 - Pav. 43 - Cab. Sul - (21) 3371-0122 / 3371-0156
Colubandê: Rodovia Amaral Peixoto Km 9,5 - Pav. E - (21) 2601-5994