Manga: Exportações brasileiras estão firmes em 2020


As exportações brasileiras de manga estão mais aquecidas no segundo semestre deste ano, após o menor volume registrado nos primeiros seis meses, frente ao recorde de 2019. Segundo dados da Secex (Secretaria de Comércio Exterior), os envios da primeira metade do ano foram 21% menores que os do mesmo período do ano passado. Já os dois primeiros meses do segundo semestre ficaram 53% superiores aos mesmos meses de 2019.

O bom desempenho brasileiro deve-se à demanda aquecida, mesmo em meio à pandemia. Além disso, alguns países (como Costa do Marfim e Senegal) tiveram safra mais curta – e, como o Brasil produz o ano todo, foi capaz de atender aos compradores nestas janelas.

Para os próximos meses, a previsão é de manutenção dos bons envios, diante da demanda firme, tanto na Europa quanto nos Estados Unidos. Além disso, a produção nacional deve aumentar, atingindo o seu pico, e a previsão é de boa qualidade das frutas. Vale lembrar que o período de setembro a novembro costuma ser o pico de envios brasileiros de manga ao exterior.

1 visualização

Associação Comercial dos Produtores e Usuários da CEASA Grande Rio e São Gonçalo

Irajá: Av. Brasil, 19.001 - Pav. 43 - Cab. Sul - (21) 3371-0122 / 3371-0156
Colubandê: Rodovia Amaral Peixoto Km 9,5 - Pav. E - (21) 2601-5994