Mandioca: preço médio sobe quase 9% na semana


A oferta de raiz de mandioca está baixa na maioria das regiões acompanhadas pelo Cepea, porque muitas lavouras com até 1 ciclo e meio foram podadas. Além disso, o clima seco tem prejudicado fortemente o avanço dos trabalhos no campo, enquanto uma parte dos produtores continua com baixo interesse pela comercialização, principalmente por conta do menor rendimento de amido. Assim, as cotações da raiz subiram em todas as regiões. A média a prazo para a toneladas de mandioca posta fecularia foi de R$ 359,06 (R$ 0,6245 por grama de amido na balança hidrostática de 5 kg) na semana passada, alta de 8,9% frente à anterior – esta é a maior média desde abril de 2020.



2 visualizações

Associação Comercial dos Produtores e Usuários da CEASA Grande Rio e São Gonçalo

Irajá: Av. Brasil, 19.001 - Pav. 43 - Cab. Sul - (21) 3371-0122 / 3371-0156
Colubandê: Rodovia Amaral Peixoto Km 9,5 - Pav. E - (21) 2601-5994