Mandioca: oferta fica abaixo das expectativas e limita queda no preço


Os trabalhos no campo foram retomados entre 24 e 28 de agosto em todas as regiões acompanhadas pelo Cepea, devido ao clima favorável. No entanto, a oferta de mandioca para as indústrias de fécula e de farinha ficou abaixo das expectativas, o que limitou a queda nas cotações. Isso porque há um número bastante reduzido de lavouras de raízes com mais de 1 ciclo e meio para serem colhidas, ao mesmo tempo em que parte dos agricultores voltou a priorizar o plantio, que está em fase final. Vale destacar, ainda, que o rendimento de amido mais baixo também é determinante para a comercialização. De acordo com pesquisas do Cepea, a baixa oferta pode continuar em setembro e meados de outubro, pelo fato de as lavouras podadas ainda não estarem disponíveis. Assim, o rendimento de amido, que sazonalmente tem quedas expressivas a partir da primavera, também será determinante para a tomada de decisão de colheita.  Quanto à demanda industrial, mais enfraquecida em outros períodos, deve se intensificar, especialmente no início do último trimestre, devido à maior procura pela fécula, seja para a reposição de estoques ou mesmo para atender aos contratos de entrega de final de ano.

2 visualizações

Associação Comercial dos Produtores e Usuários da CEASA Grande Rio e São Gonçalo

Irajá: Av. Brasil, 19.001 - Pav. 43 - Cab. Sul - (21) 3371-0122 / 3371-0156
Colubandê: Rodovia Amaral Peixoto Km 9,5 - Pav. E - (21) 2601-5994