Maçã: Assim como o clima, comércio esfria no Sul


No último fim de semana (14 e 15/08), um sistema de baixa pressão se deslocou do oeste para o litoral de Santa Catarina, causando tempestades, ventanias e até chuva de granizo em certos locais. Esse fenômeno foi responsável, também, pela formação de um tornado que passou no dia 14 por alguns municípios produtores de maçã, como Tangará e Água Doce (SC), segundo informações da Epagri/Ciram – mas, de acordo com agentes consultados, não repercutiu em grandes danos nos pomares (que estão em período de dormência), pois seu impacto se concentrou no perímetro urbano.

Nesta semana (17 a 21/08), as regiões produtoras de maçã no Sul estão passando por uma intensa frente fria, com registro até de neve – frente que se alastrou por alguns dos principais centros consumidores da fruta. No Sudeste, por exemplo, houve queda da temperatura e chuva em meados da semana, o que, juntamente com os elevados preços anteriores e a proximidade do fim de mês, reduziu o fluxo compra nas principais regiões classificadoras - agentes consultados relataram que esse cenário pode diminuir a procura dos consumidores até a próxima semana.

1 visualização

Associação Comercial dos Produtores e Usuários da CEASA Grande Rio e São Gonçalo

Irajá: Av. Brasil, 19.001 - Pav. 43 - Cab. Sul - (21) 3371-0122 / 3371-0156
Colubandê: Rodovia Amaral Peixoto Km 9,5 - Pav. E - (21) 2601-5994